Layout by VICKYS.com.br

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Cadê o nacionalismo que estava aqui?


Acredito que todo o Brasil se emocionou com os jogos da seleção durante a copa de 2010 e também comemorou todas as vitórias tidas por ela. Até no dia do empate com Portugal quando saí às ruas vi várias pessoas comemorando em um barzinho. Mas depois do jogo decisivo com a Holanda só posso lamentar pelo país.
Digo isso porque é nessas horas que vejo o quanto o Brasil é hipócrita. Enquanto a seleção ganhava o jogo todos estavam contentes. Sentiam-se como vencedores do jogo também. Aliás, já me disseram que esse era o lado bom do futebol. Incentivava o nacionalismo. Agora questiono... Cadê o nacionalismo?
A seleção do Brasil perdeu para a da Holanda e o que acontece? Todos caindo em cima do Dunga e de Felipe Melo. Até Kaká que foi tão criticado durante os jogos anteriores foi esquecido. Isso só mostra o quanto a maciça maioria é falsa. Enquanto o time ganhava, a vitória era compartilhada. Agora que a seleção perdeu, foram os jogadores que fizeram tudo errado, foi o técnico que era burro, foi o jogador que cometeu falta e foi expulso.
Digo isso dando altas risadas. Cadê o nacionalismo?
Eu respondo. Não está em lugar nenhum porque nunca existiu. Sempre foi um desejo enorme de esfregar na cara dos outros países que o Brasil era o melhor no futebol.
Dou um conselho a todos esses torcedores hipócritas que não sabem perder. Parem de procurar um culpado e assumam que realmente PERDEMOS. E isso não significa que não somos os melhores no futebol. Isso significa que a lei da vida ainda perdura. Não se pode ganhar sempre. E se pensarem a fundo... Não estamos muito bem? Invejados pelo mundo inteiro! O único com cinco vitórias, o único que participou de todas as Copas do Mundo. Não está bom? É claro que está. Vistamos então a camisa verde e amarela pra mostrar que temos orgulho do futebol brasileiro ainda que não tenhamos o título de vencedor em uma mera Copa.
Dou parabéns a todos os torcedores que sabem perder junto com quem torcem sem precisar humilhá-los para se sentir melhor. E para os que precisam extremamente disso para justificar a perda no jogo... Sinceramente, vocês são dignos de pena.
Lamentavelmente em 2014 tudo será igual. Se o Brasil perder quase todos vão acabar com os jogadores. O melhor é que não vai precisar nem ter um aeroporto para vaiá-los, não é?
A única coisa que me deixa feliz é saber que tudo que se é plantado é também colhido. Um dia, esses torcedores inúteis e desfrutáveis serão vaiados sem motivo, apesar de terem dado o melhor de si e eles não vão gostar disso.
=)

Brasil, rumo ao hexa 2014.


Marcadores:

Posted by Mari @ 19:11
2 Comments

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

☺ A Arte de Viajar sem ir a Lugar Algum ☺

Só para fazer um pequeno merchandising do meu livrito novo rs. Eu pensei em postar os capítulos por aqui, como a Mari, mas uma amiga me indicou esse site bem legal de histórias fictícias, então postarei por lá e vou deixar o link aqui para vocês acompanharem. ^^

Link da minha conta:
http://fanfiction.nyah.com.br/nick_pink

Link do livro:
http://fanfiction.nyah.com.br/historia/44708/A_Arte_De_Viajar_Sem_Ir_A_Lugar_Algum

Marcadores: , ,

Posted by Nicole Ayres @ 00:37
0 Comments

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

☠ Escuridão ☠

Não estou preparada para a escuridão
Acendam as luzes!

Todos os meus medos e angústias
Me perseguem
Fujo temporariamente
Mas eles voltam
Até o dia em que eu destruir
Um por um

Não vou conseguir
Não posso
Não quero
Não tento

Sou dependente das palavras
Só elas podem me salvar
Sofro
Quem sofre calado sofre mais

Sou minha própria assassina
Morte aos velhos costumes!
Oh, não!
Foi o peso de uma lágrima
Que desequilibrou a balança

De repente um raio de esperança
Quebra o concreto
Acenderam-se as luzes
Cerraram-se os olhos

Marcadores: , , , , ,

Posted by Nicole Ayres @ 21:50
1 Comments

☞ Desequilíbrio ☜

Agora estou só
Eu e eu mesma
Essa ideia me assusta

Essa agonia
Esse grito sufocado na minha garganta
Não falo
Escrevo

O mundo gira
Por que não caio?
O que me mantém presa a terra?

Sento e espero
Espero
Até me cansar
De esperar por nada

Estou cansada do vazio
Preciso achar meu ponto de equilíbrio
Onde foi que eu me escondi?
Por que não tento fugir dessa prisão?
Ela é tão segura
Tão reconfortante
Pra que fugir da comodidade
Se já estou tão acostumada

Até penso em quebrar as regras
Em me desafiar e vencer
Mas permaneço
Insisto no erro

Fico aqui sentada
Esperando pela vida
Que não espera por mim
Que não espera por nada

Marcadores: , , , , ,

Posted by Nicole Ayres @ 21:46
0 Comments

●๋° Pessoas ●๋°

As pessoas mais importantes na sua vida
Não são aquelas que te oferecem a mão sempre que você cai
São as que te derrubam e te obrigam a se levantar sozinho
São as que te desafiam, testam seus limites
São as que efetivamente fazem você mudar

Pessoas legais não marcam
As que marcam são as chatas, as exigentes, as que te enfrentam, as que te fazem bufar de ódio
Com elas você aprende e cresce
E cria forças para enfrentar os desafios

Pessoas amigas são aquelas que ficam do seu lado, sim
E te apoiam nas suas decisões
Mas que também te criticam quando necessário
Porque elas querem o seu bem, querem que você amadureça e seja independente

Quem te deixa estagnado, te deixa ficar no raso
Não gosta de você
Não quer que você progrida
Essas têm um sentimento egoísta de posse e comodidade
São parasitas, sugam sua energia
Não te destroem porque precisam de você
E precisam que você precise delas

Há pessoas de todos os tipos, aparências e essências
É preciso escolher que categoria você quer encaixar na sua vida
As que te mimam
Ou as que te impõem responsabilidades
As imbecis que te fazem sentir inteligente
Ou as inteligentes que te ajudam a evoluir
As parasitas
As inquilinas
Ou as protocooperadoras?

Marcadores: , , ,

Posted by Nicole Ayres @ 21:40
1 Comments

☺ Poema de auto-ajuda ☺

Pense em todos os conselhos
Em todas as palavras amigas
E esqueça tudo!
Crie suas próprias regras
Você não precisa da ajuda dos outros
Precisa de si mesmo

Converse consigo mesmo
Aconselhe-se!
Liberte-se! Descubra-se!
Você é seu melhor psicólogo

Seja sempre você mesmo
Mas não seja sempre o mesmo
Mude
Transforme-se! Renove-se!

Faça o que tiver que fazer
Mas faça!
Construa seu próprio caminho
E siga!

O mundo é seu
Usufrua!
A vida é uma só
Aproveite-a!
Não a desperdice com detalhes
Se fossem importantes, não seriam detalhes

Abra as janelas da sua alma para a felicidade
Tranque-as para o medo, a insegurança
Acerte e erre
Arrisque
Vá e volte
Só não deixe de viver
Cada dia, hora e segundo
Plenamente

Marcadores: , , , ,

Posted by Nicole Ayres @ 21:37
0 Comments

domingo, 4 de outubro de 2009

◊ Tudo ao mesmo tempo agora ◊

Hello, people! Estou numa fase poetisa hehe. Então vou sair postando muitos poeminhas fófix (e alguns nem tão fófix assim...). Pra começar, um levezinho, cujo título é esse aí de cima: Tudo ao mesmo tempo agora. Enjoy it! =D


Quero o prazer fugaz de um segundo
Quero a experiência valiosa de um século
Quero tudo ao mesmo tempo agora

Quero a batalha
E quero vencer!
Não quero a mortalha
De não ter o que fazer

Quero tudo
Quero o querer
Quero o mundo
Quero, no fundo, me surpreender

Quero cobrir e descobrir
Quero amar sem amor
Quero sofrer sem dor
Não quero mais me prevenir
Não há necessidade
Quero mais é viver a vontade!

Fique aqui
Olhe ali!
Somos nós
Os donos do mundo
Os donos de nós
Vivendo em pleno instante tão profundo...

Marcadores: , ,

Posted by Nicole Ayres @ 13:39
2 Comments

Links

. VICKYS.com.br
. Daniel de Oliveira World
. Projeto Mundo Renovável




Last Posts

. Cadê o nacionalismo que estava aqui?
. ☺ A Arte de Viajar sem ir a Lugar Algum ☺
. ☠ Escuridão ☠
. ☞ Desequilíbrio ☜
. ●๋° Pessoas ●๋°
. ☺ Poema de auto-ajuda ☺
. ◊ Tudo ao mesmo tempo agora ◊
. Rede Globo
. ஜ O Poder da Escrita ஜ
. Testes em Animais

Archive

Julho 2009
Agosto 2009
Setembro 2009
Outubro 2009
Julho 2010

Credits

[ Layout ]
VICKYS.com.br
VICKYS.com.br

[ Powered by ]